Banner CMM

segunda-feira, 12 de junho de 2017

Clandestinos e más condições de ruas continuam prejudicando transporte público em Mossoró

Compartilhar
Mais que o cumprimento de uma promessa de campanha da Prefeitura, como anunciado pelo poder Executivo, o diretor da empresa de transporte coletivo atualmente em operação em Mossoró, a Cidade do Sol, Valdemar Araújo, afirma que a instalação do aplicativo "Cittamobi", que avisa ao usuário o horário exato em que os ônibus chegam às paradas, mostra a disponibilidade da empresa em estar junto e fazer a sua parte pelo transporte público da cidade.

Valdemar mostra que a situação dos ônibus de Mossoró, de instabilidade e desequilíbrio entre o número de pagantes e não-pagantes, continua a mesma.

Segundo ele, a empresa precisa, e tem cobrado, apoio da Prefeitura no sentido de combater o transporte clandestino.

"Dependemos da Prefeitura para o combate à clandestinidade e para trazer o pagante para o transporte público, precisamos de um combate ostensivo", explica o diretor.

A falta de asfaltamento, e até de calçamento em alguns casos, também limitam o trabalho da empresa.

"Levamos algumas sugestões à Prefeitura, os bairros têm carência de rotas e vias porque os calçamento são fracos, se abrem buracos que dificultam nossa mobilidade, nós chegamos ao ponto de fazer operação tapa-buraco pro ônibus passar até que a Prefeitura nos dê esse respaldo e vá fazer seu serviço", explica Valdemar.

A entrevista foi concedida na última quinta-feira (08), no programa Meio-Dia Mossoró, e exibida no Canal 10 da TCM no programa Plenário TCM.

Acompanhe: