terça-feira, 21 de agosto de 2018

Vereador cede aos encantos do governismo e enfraquece oposição já minguada

Compartilhar
Depois de muito condenar as ações da prefeita Rosalba Ciarlini, o vereador Rondinelli Carlos (PMN) finalmente anunciou mudança de lado para o governismo municipal.

Em fevereiro, Rondinelli (de óculos) ratificou que
oposição não seria reduzida (Foto: arquivo)
Ainda em fevereiro, quando a secretaria de Agricultura e Recursos Hídricos ficou sem secretário, ele negou que pudesse migrar de uma bancada para outra, e que a oposição continuaria unida.

Mas, agora, apesar da oficialização do apoio a Rosalba, Rondinelli nega qualquer possibilidade de ocupar o vácuo na secretaria de Agricultura. "Vou ajudar a zona rural de Mossoró através do meu trabalho na Câmara, como vereador", disse em entrevista a este Blog.

Oposição

A saída de Rondinelli deixa a bancada de oposição totalmente sem poder na casa legislativa. Com menos de um terço de vereadores (nesse caso, seis), o número que restou na bancada não tem como sequer abrir uma sessão legislativa.

O sonho de instalação de uma CEI (Comissão Especial de Investigação) para checar supostas irregularidades da Prefeitura também fica para trás.