quarta-feira, 12 de setembro de 2018

MPRN constata atuação de facções criminosas nas eleições

Compartilhar
Para prevenção, tropas federais serão enviadas
a 97 municípios do RN (Foto: cedida)
O Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (GAECO), do Ministério Público Estadual, elaborou um levantamento de pelo menos 33 cidades do RN onde duas facções criminosas podem interferir nas eleições deste ano.

Em mensagens tidas como verídicas pelo GAECO, as facções proíbem, em determinadas áreas periféricas, qualquer tipo de propaganda de alguns candidatos. As facções ameaçam "punição" a quem descumprir a ordem. 

Segundo o Grupo, o levantamento e o alerta da presença das facções são necessários para que não ocorra interferências na hora dos votos.

Apesar de não terem sido divulgadas todas as 33 cidades, Natal, Mossoró, Pau dos Ferros, Currais Novos, Caicó, São Gonçalo do Amarante e Ceará-Mirim podem registrar a presença das facções. 


*Com informações da Tribuna do Norte