segunda-feira, 17 de setembro de 2018

Nova operação investiga desvio milionário em quatro cidades e Assembleia Legislativa do RN

Compartilhar
Do Blog Carlos Santos

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) deflagrou nesta segunda-feira (17) a Operação Canastra Real.

O objetivo é apurar o desvio de pelo menos R$ 2.440.335,47 em um esquema envolvendo servidores fantasmas.

A operação conta com o apoio da Polícia Militar.

Participam da ação 28 promotores de Justiça, 26 servidores do MPRN e 70 policiais militares.

Os mandados estão sendo cumpridos nas cidades de Natal, Espírito Santo, Ipanguaçu e Pedro Velho.

O Ministério Público do RN (MPRN) cumpre mandados nessas cidades, sem perder de vista – de novo, novamente, – a Assembleia Legislativa do RN.

A Damas de Espadas decorre de investigações quanto à corrupção no legislativo potiguar.