Hospital da Mulher: formato dos serviços a serem prestados na unidade será finalizado ainda em 2021

sexta-feira, 30 de abril de 2021

Em paralelo às obras físicas, Governo Cidadão, Sesap e universidades parceiras estão definindo os serviços da unidade de Saúde

Pesquisa TCM em Apodi: Alan Silveira pra deputado estadual, Walter Alves federal e Fábio Faria pro Senado são os mais citados

quinta-feira, 29 de abril de 2021

Veja o primeiro levantamento das intenções de votos dos apodienses para a Assembleia Legislativa, Câmara Federal e Senado Federal para 2022

Para deputado estadual, o atual prefeito Alan Silveira (MDB) lidera as intenções de votos. Para a Câmara Federal, Walter Alves (MDB) é o mais citado.


Já para o Senado, o ministro das Comunicações de Bolsonaro, Fábio Faria (PSD), lidera as intenções de votos na sondagem estimulada.

A pesquisa, encomendada pelo grupo TCM, foi realizada nos dias 24, 25 e 26 de abril ouvindo 583 eleitores de Apodi. A margem de erro é de 4 pontos percentuais para mais ou para menos e o intervalo de confiança é de 95%.

Confira também os números de Mossoró na Pesquisa TCM

Pesquisa TCM em Apodi: Fátima Bezerra e Lula são os preferidos dos apodienses para as eleições do próximo ano

 A TCM divulgou hoje a primeira pesquisa de intenções de voto em Apodi para as eleições de 2022. O cenário é o seguinte:

A atual governadora aparece liderando a pesquisa, com o triplo de votos, do segundo colocado: Styvenson Valentim aparece com 9% das intenções


A rejeição dos políticos apresentados ao eleitor fica entre 7 e 13%

Se dependesse do eleitor de Apodi, Lula (PT) seria eleito disparado no primeiro turno

Quanto à rejeição, Bolsonaro (sem partido) lidera com folga a antipatia do eleitor apodiense.

Confira também os números de Mossoró na Pesquisa TCM

Pesquisa TCM/CDL/TS2: Fátima Bezerra lidera as intenções de voto dos mossoroenses para o Governo do RN 
Pesquisa TCM/CDL/TS2: Lula lidera as intenções de voto em Mossoró para Presidente; Bolsonaro tem a maior rejeição

Pesquisa TCM em Apodi: a avaliação dos apodienses sobre as gestões de Alan Silveira, Fátima Bezerra e Bolsonaro

Confira os números do primeiro levantamento sobre a opinião dos apodienses em relação às gestões municipal, estadual e federal:

Em pouco mais de 100 dias de mandato, a nova gestão municipal ainda colhe a popularidade saída das urnas: 63% dos apodienses aprovam a gestão de Alan Silveira (MDB)

O governo de Fátima Bezerra (PT), com pouco mais de 2 anos, tem aprovação de 40% dos apodienses: desaprovação alcança 31%.

Já o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), amarga uma altíssima reprovação entre os apodienses: 68% reprova a gestão contra somente 16% de aprovação.

O combate à pandemia dos governos municipal e estadual é aprovado pela população: já o Governo Federal tem o índice ruim/péssimo batendo os 68%.

A pesquisa, encomendada pelo grupo TCM, foi realizada nos dias 24, 25 e 26 de abril ouvindo 583 eleitores de Apodi. A margem de erro é de 4 pontos percentuais para mais ou para menos e o intervalo de confiança é de 95%.

#TBT do Blog: reforma trabalhista, greve geral dos trabalhadores e a eterna novela da Porcellanati

Há quatro anos, o Brasil era pautado pelas reformas trabalhista e da Previdência, a greve geral dos trabalhadores contra a retirada de direitos, com desdobramentos em Mossoró, e mais uma vez se discutia a atuação da Porcellanati na cidade.

A aprovação da reforma trabalhista, liderada no Congresso Nacional por Rogério Marinho (PSDB) - atual ministro de Desenvolvimento Regional de Bolsonaro -, retirou direitos e gerou protestos dos trabalhadores por todo o país

O Blog Carol Ribeiro vai completar 5 anos de atuação no próximo mês de agosto. Durante esse tempo, muita coisa aconteceu e algumas já estão turvas na memória.

O #TBT do Blog tem a pretensão de relembrar fatos que viraram notícia aqui, em Mossoró, no RN e no Brasil
A última semana de abril de 2017 ficou marcada pela aprovação da mais profunda alteração das leis trabalhistas desde a criação da CLT - Consolidação das Leis do Trabalho, em 1943. A reforma foi possível após o impeachment de Dilma Rousseff em 2016 e acompanhou uma onda de reformas liberais que prometiam gerar empregos e riquezas no curto e médio prazo.

Só com a reforma trabalhista, a promessa do governo Temer era de 2 milhões de empregos gerados entre 2018 e 2019. A promessa, feita à custas da retirada de direitos trabalhistas, como assistimos, não se cumpriu.


Deputados do RN aprovam urgência para tramitação da Reforma Trabalhista

Pesou a pressão do presidente Michel Temer que levou 24 deputados a reverterem os votos. Entre eles está o potiguar Walter Alves (PMDB) que tinha votado contra a urgência e agora votou a favor.

Mulheres fazem intervenção contra a Reforma da Previdência hoje no Centro de Mossoró

Neste esforço, diversas ações serão realizadas em todo o Brasil. E no Rio Grande do Norte, a agenda está repleta de muita intervenção e diálogo das mulheres com a população.


Bancada federal do RN aprova reforma trabalhista

Foi de 4 a 3 o placar da bancada federal do Rio Grande do Norte na votação do texto-base da Reforma Trabalhista, aprovada ontem (26) na Câmara dos Deputados.


Veja as entidades e serviços que param as atividades em Mossoró durante a greve geral nesta sexta-feira

A greve geral que está marcada para esta sexta-feira (28) deve ter força também em Mossoró.


Greve geral em Mossoró é marcada por manifestação pacífica

Desde as primeiras horas da manhã, trabalhadores mossoroenses aderem à greve geral e se manifestam contra as reformas da Previdência e trabalhista.


Greve geral: Prefeitura informa que escolas municipais devem repor aulas

De acordo com a secretária de Educação, Magali Delfino, as escolas que aderiram à paralisação vão repor as aulas em outro momento.


E a novela sem fim da Porcellanati em Mossoró continuava rendendo:

Situação da Porcellanati em Mossoró é discutida pela Câmara Municipal em audiência

No final da audiência, o vereador Alex Moacir pediu aos ex-funcionários que encaminhassem um documento relatando todas as dificuldades encontradas e se comprometeu a participar de reuniões com os juízes trabalhistas responsáveis para encontrar soluções.


Prefeitura anuncia intenção de volta da Porcellanati, mas sem prazo

O projeto de reabertura foi comunicado à prefeita Rosalba Ciarlini, nesta quarta-feira, 25.

Segundo programa TCM Pesquisa de 2021 será exibido hoje

Programação a partir das 20h15 apresentará dados de pesquisa realizada em Apodi


O Grupo TCM dá continuidade nesta semana ao projeto especial TCM Pesquisa 2021. O segundo programa irá ao ar hoje (29), a partir das 20h15 no Canal TCM 10 HD e na Rádio 98 FM, de Apodi. Na programação que vai ao ar após o Cenário Político serão apresentados dados de pesquisa realizada no município de Apodi, pelo Instituto TS2.

A pesquisa – que segue os moldes semelhantes aos aplicados em Mossoró – contará com avaliação dos Governos Municipal, Estadual e Federal; informações sobre a vacinação, pandemia, confiança e expectativa do apodiense, o que o povo quer para o município de Apodi e dados sobre em quem os apodienses pretendem votar nas próximas eleições.

O programa que será conduzido pelos jornalistas Carol Ribeiro, Moisés Albuquerque e Vonúvio Praxedes poderá ser conferido também pelo site www.tcmplay.tv.br e pelo App TCM 10 Play.

Walter Alves é reconduzido à presidência do MDB

quarta-feira, 28 de abril de 2021

Como é necessário organizar o partido para eleições de 2022, a Executiva Nacional entendeu que era mais estratégico prorrogar a presidência

Calendário da Lei de Diretrizes Orçamentárias é divulgado na Câmara

terça-feira, 27 de abril de 2021

A LDO é o instrumento que orienta os gastos públicos para o ano seguinte

Foto: Edilberto Barros

O calendário da Lei de Diretrizes Orçamentárias, apresentado pela Prefeitura Municipal de Mossoró, foi divulgado na sessão ordinária desta terça-feira, 27 de abril. Pelo calendário, a Leitura na íntegra do Projeto de lei do Executivo n° 04/2021, que dispõe sobre as diretrizes para elaboração e execução da Lei Orçamentária Anual do Município de Mossoró para o exercício 2022 será lido no dia 04 de maio.

A Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) é elaborada anualmente e tem como objetivo orientar e apontar as prioridades do Poder Executivo para o ano seguinte. É um planejamento dos gastos públicos. Os vereadores poderão apresentar emendas para a LDO apresentada pelo município até o dia 17 de maio. As emendas serão apreciadas pela Comissão de Orçamento, Finanças e Contabilidade da Câmara.

No dia 13 de maio, a Câmara e a Prefeitura de Mossoró realizarão uma audiência pública para debater a LDO. E no dia 18 de maio, as emendas apresentadas pelos vereadores serão lidas em plenário, durante a sessão ordinária. A primeira votação para o projeto final da LDO está previsto para o dia 01 de junho e a segunda votação deverá ocorrer no dia 09 de junho.

O genocídio escolar

O discurso político de pautar a educação como prioridade e relevante no Brasil é pura hipocrisia e só é usado de quatro em quatro anos na época das campanhas eleitorais

Mossoró pede doses da Coronavac que estão em estoque; Fátima garante liberação

sábado, 24 de abril de 2021

Secretaria Municipal de Saúde confirma dispor de doses guardadas para uso exclusivo na segunda dose: “Mossoró não está livre do risco de ter que suspender a vacinação"

Pesquisa TCM/CDL/TS2: Isolda e Beto Rosado lideram intenções de votos para casas legislativas

sexta-feira, 23 de abril de 2021

Veja primeiro levantamento das intenções de votos dos mossoroenses para a Assembleia Legislativa, Câmara Federal e Senado Federal para 2022

Pesquisa TCM/CDL/TS2: Lula lidera as intenções de voto em Mossoró para Presidente; Bolsonaro tem a maior rejeição

quinta-feira, 22 de abril de 2021

A TCM divulgou hoje a primeira pesquisa de intenções de voto para as eleições de 2022. O cenário é o seguinte:

Se dependesse do eleitor de Mossoró, Lula (PT) seria eleito no primeiro turno

Quanto à rejeição, Bolsonaro (sem partido) lidera com folga a antipatia do eleitor mossoroense.

A pesquisa foi realizada nos dias 19, 20 e 21 de abril ouvindo 831 eleitores de Mossoró. A margem de erro é de 3,5 pontos percentuais para mais ou para menos e o intervalo de confiança é de 95%.

Pesquisa TCM/CDL/TS2: a avaliação dos mossoroenses sobre as gestões Allyson, Fátima Bezerra e Bolsonaro

Confira os números do primeiro levantamento sobre a opinião dos mossoroenses sobre as gestões municipal, estadual e federal:

Em pouco mais de 100 dias de mandato, a nova gestão municipal ainda colhe a popularidade saída das urnas: 67% dos mossoroenses aprovam a gestão de Allysson Bezerra (SDD)

O governo de Fátima Bezerra (PT), com pouco mais de 2 anos, tem aprovação de 42% dos mossoroenses: desaprovação alcança 31%.

Já o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), amarga uma alta reprovação entre os mossoroenses: 55% reprova a gestão contra somente 25% aprovação.

O levantamento questionou também os mossoroenses sobre a gestão da pandemia de cada esfera de governo:

O combate à pandemia dos governos municipal e estadual é aprovado pela população: já o Governo Federal tem o índice ruim/péssimo batendo os 55%.

A pesquisa foi realizada nos dias 19, 20 e 21 de abril ouvindo 831 eleitores de Mossoró. A margem de erro é de 3,5 pontos percentuais para mais ou para menos e o intervalo de confiança é de 95%.

Pesquisa TCM/CDL/TS2: Fátima Bezerra lidera as intenções de voto dos mossoroenses para o Governo do RN

A TCM divulgou hoje a primeira pesquisa de intenções de voto para as eleições de 2022. O cenário é o seguinte:

A atual governadora aparece liderando a pesquisa, com o dobro de votos, do segundo colocado: Styvenson Valentim aparece com 14% das intenções

A rejeição dos políticos apresentados ao eleitor fica por volta de 15%

A pesquisa foi realizada nos dias 19, 20 e 21 de abril ouvindo 831 eleitores de Mossoró. A margem de erro é de 3,5% pontos percentuais para mais ou para menos e o intervalo de confiança é de 95%.

Pesquisa TCM/CDL/TS2: Insegurança, desemprego e pandemia são as maiores preocupações dos mossoroenses

Os números do levantamento revelam os maiores medos dos mossoroenses.


A pesquisa foi realizada nos dias 19, 20 e 21 de abril ouvindo 831 eleitores de Mossoró. A margem de erro é de 3,5% pontos percentuais para mais ou para menos e o intervalo de confiança é de 95%.

Pesquisa TCM/CDL/TS2: confira os números do endividamento da população de Mossoró

O levantamento realizado pelo Instituto TS2 releva os números atuais da economia mossoroense em relação ao endividamento da população.


A pesquisa foi realizada nos dias 19, 20 e 21 de abril ouvindo 831 eleitores de Mossoró. A margem de erro é de 3,5% pontos percentuais para mais ou para menos e o intervalo de confiança é de 95%.

Mossoró é a 13ª cidade mais violenta do mundo, segundo ranking internacional

A capital do Semiárido aparece como a 3ª cidade mais violenta do Brasil em ranking baseado no número de homicídios divulgado no portal UOL

Violência em Mossoró/RN

De acordo com o portal UOL, no ranking das 50 cidades mais violentas do mundo, publicado por um conselho mexicano - o Conselho Cidadão para a Segurança Pública e a Justiça Penal do México -, tem 11 municípios brasileiros.

As seis primeiras cidades da lista são mexicanas. Feira de Santana-BA, com 67,46 homicídios por 100 mil habitantes, aparece em 9º e Fortaleza-CE, com 62,28 em 12º.

Mossoró vem logo depois, com uma taxa de 62,21 homicídios por 100 mil habitantes.

Além de Mossoró, Vitória da Conquista-BA (20ª, 52,47), Salvador-BA (28ª, 46,80), Rio Branco-AC (33ª, 41,85), Maceió-AL (36ª, 39,40), Recife-PE (37ª, 38,50), Caruaru-PE (42ª, 36,41), Natal-RN (46ª, 35,09) e Teresina-PI (48ª, 34,79) também aparecem no ranking.

Tudo pronto para o TCM Pesquisa

Serão detalhadas informações sobre a avaliação dos Governos Municipal, Estadual e Federal, além de dados sociais e econômicos e uma prévia da corrida eleitoral para 2022

#TBT do Blog: há exatamente 4 anos, Mossoró se despedia de Milton Marques

"Desde a tarde do sábado, dia 22 de abril, estamos órfãos de um grande mestre, homem que marcou, em tantas áreas, a história de Mossoró", lamentava a nota do Grupo TCM de Comunicação.

"Um exemplo de ser humano e, acima de tudo, um educador e servidor, como gostava de se intitular."

Racismo não é “mimimi”

domingo, 18 de abril de 2021

A ação teve como objetivo estimular a denúncia e também sensibilizar aliados para que toda a sociedade possa combater as práticas ofensivas

Governo do RN e FEMURN reforçarão fiscalização de protocolos sanitários nos municípios

Pandemia segue preocupante com ocupação de leitos críticos acima de 90% e pelo lento envio de vacinas por parte do Governo Federal

Foto: Pedro Santiago - Asecom

O Governo do RN e a Federação dos Municípios do RN (FEMURN) vão atuar em conjunto na fiscalização dos protocolos sanitários de combate à COVID-19 nos municípios potiguares. As ações serão reforçadas já no próximo fim de semana e se estenderão aos próximos dias, incluindo o feriado de 21 de abril (Tiradentes).

Os secretários Fernando Mineiro - de Gestão de Projetos e Metas - e Francisco Araújo - Segurança Pública - se reuniram nesta quinta-feira (15) com Anteomar Pereira da Silva ("Babá"), representante da FEMURN, para definir as ações de fiscalização para o cumprimento do que determina o Decreto Nº 30.490, publicado no Diário Oficial do Estado desta quinta-feira. 

O novo decreto prorroga as medidas restritivas de combate à pandemia em todo o Rio Grande do Norte até o dia 23 de abril. Fica mantido o toque de recolher de segunda a sábado, das 20h às 6h do dia seguinte, e em tempo integral aos domingos e feriados, além das demais restrições do decreto anterior.

Diante da taxa de ocupação de leitos críticos no estado ainda se mantendo elevada, variando entre 95% e 100% em todas regiões, é ainda mais importante agora o cumprimento das restrições e dos protocolos sanitários já conhecidos – como o uso de máscara, a higienização constante das mãos e o distanciamento social. A situação ainda é agravada pelo lento envio das vacinas por parte do Governo Federal. 

“A pandemia continua e temos agora estas variantes do vírus que são mais preocupantes. Não podemos relaxar, pelo contrário, precisamos unir forças para que o decreto seja cumprido”, lembrou Fernando Mineiro, também coordenador do Pacto pela Vida, ação de articulação entre Estado e Prefeituras no combate aos efeitos do novo coronavírus.

O secretário de Segurança Pública Cel. Francisco Araújo e seu secretário-adjunto, delegado Osmir Monte, e garantiram a presença das forças de segurança pública (Polícias Militar e Civil e Corpo de Bombeiros) para dar suporte às equipes dos municípios no cumprimento das normas estabelecidas nos decretos estaduais e municipais. “Vamos orientar a população, donos de negócios, a cumprirem o toque de recolher e as outras medidas. Não podemos deixar essa fiscalização cair”, lembrou. 

Presente à reunião, Ivanildo Filho, prefeito de Timbaúba dos Batistas, relatou que no seu município “os leitos críticos e clínicos estão totalmente comprometidos” e que por esse motivo vai editar um decreto ainda mais rígido do que o do governo e aconselhar os demais prefeitos de sua região a fazerem o mesmo. 


*Com informações do Governo do RN


Deputada federal do RN destina emenda de R$ 2 milhões para compra de vacinas

Natália Bonavides (PT/RN) destinou R$ 2 milhões em emenda parlamentar do orçamento da União de 2021 para que o Governo do Estado compre vacinas para os potiguares.

Foto: Cleia Viana

A emenda, que pertence ao orçamento de 2021, também poderá ser usada para o tratamento do vírus nos hospitais públicos, caso a vacinação avance no Brasil. Dados do portal de transparência do Estado apontam que o RN vacinou 414.002 mil pessoas até hoje. O Brasil, que está entre os países com maior atraso na vacinação, já tem mais de 365 mil mortes por Coronavírus, e, mesmo diante desse cenário, a Câmara ainda aprovou recentemente o projeto fura-fila (PL 948/2021), que permite que a iniciativa privada fure a fila de vacinação contra a Covid-19.

Para a oposição, a aprovação do projeto é incompatível com a situação, pois isso não ocorreu em nenhum lugar do mundo justamente porque faltam vacinas. Assim, autorizar a venda para empresários favorece somente a eles e não a classe trabalhadora.

Para Natália, o momento é de priorizar a saúde do povo brasileiro, garantindo auxílio e vacina: “A prioridade deve ser salvar vidas garantindo a imunização da população e não aprovar projetos que vão prejudicar ainda mais trabalhadores, como o PL Fura-Fila e o projeto que trata do retorno presencial das aulas. Retorno somente com vacina e segurança para estudantes e profissionais da educação. Por isso precisamos defender e lutar para imunizar todas e todos o mais rápido possível”.

A vacinação no Brasil ainda não alcançou um grande número de brasileiros em decorrência das falhas do Governo Federal e do Ministério da Saúde.

#TBT do Blog: Governo Robinson atravessa nova crise na segurança, atrasos de salários e trapalhadas

quinta-feira, 15 de abril de 2021

Há quatro anos, em 2017, a política potiguar era movimentada por demissão de secretário de Segurança, expectativa de servidores com salários atrasados e o elitismo da primeira dama

Robinson Faria insistia no Ronda Cidadã: o programa já mostrava sua ineficácia e governador partia para o 4º secretário de Segurança em 2 anos e meio

Trabalhadores da Educação reafirmam que só retornam após vacinação da categoria

Assunto foi discutido em assembleia da categoria 

Assembleia virtual aconteceu depois de recomendação do MPRN (Imagem: reprodução)

Em assembleia virtual realizada nesta sexta-feira (09) pelo Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Mossoró (Sindiserpum), profissionais que atuam na Educação municipal reafirmaram a importância de que as aulas presenciais no município só aconteçam após a vacinação de toda a categoria.

Em decisão de assembleia anterior e mesmo no ofício com a pauta de reivindicações 2021 a necessidade de vacina antes do retorno das aulas já havia sido estabelecida como necessária e urgente.

A assembleia aconteceu após a Ação Civil Pública movida pelo Ministério Público do Rio Grande do Norte para obrigar o Estado do Rio Grande do Norte a retornar com as aulas presenciais nas escolas públicas e privadas do RN.

A assembleia foi conduzida pela presidente do Sindiserpum e vereadora Marleide Cunha, que, em suas redes sociais, fez um desabafo: “É unânime entre todas(os): o entendimento de que não há a mínima condição de retorno das aulas presenciais na atual situação da pandemia. A pandemia, como sabem, se agrava a cada dia. Após a vacinação de todos os profissionais da educação, sim, será possível planejar, organizar e executar um retorno. Antes disso, não há condições. É desumano exigir um retorno nas atuais circunstâncias: é por em risco muitas vidas”.

Durante a assembleia, os servidores atentaram para várias condições adversas enfrentadas nas escolas que vão de encontro a qualquer medida que contribua para um retorno às atividades escolares neste momento.

*Com informações do Sindiserpum Mossoró

Mossoró teve 2.361 doses de vacina contra a Covid-19 aplicadas neste fim de semana

segunda-feira, 12 de abril de 2021

Na sexta-feira(09), o Governo do estado destinou 5.530 doses de vacinas para Mossoró


Mossoró conseguiu aplicar 946 doses de vacinas no sábado (10). Já neste domingo (11), o município fez aplicação de 1.415 doses, totalizando 2.361 doses aplicadas no final de semana. 

“Com os dez pontos de vacinação, realizamos a imunização da população sem aglomerar. A prefeitura está célere quando o assunto é vacinação. Já estamos aplicando a primeira dose da vacina nos idosos de 61 anos, na medida que o Governo Federal enviar novas doses, vamos avançando na vacinação”, relatou Morgana Dantas, secretária municipal de Saúde.

Na sexta-feira(09), o Governo do estado destinou 5.530 doses de vacinas para Mossoró. Sendo divididas para aplicação da primeira dose (1.730) e segunda dose (3.800). No montante, o município recebeu 3.840 doses da vacina da Astrazeneca/Oxford e 1.690 doses da vacina Coronavac/Butantan.

Prefeitura faz arrecadação de alimentos

Ação é realizada pelas UBSs e Centro de Testagem do Ginásio

(Imagem: divulgação/PMM)

A Prefeitura de Mossoró inicia uma campanha solidária de arrecadação de alimentos não perecíveis que deverá atender pessoas em situação de vulnerabilidade social diante das dificuldades decorrentes da pandemia.

As doações podem ser feitas por qualquer pessoa que desejar ajudar. Os alimentos poderão ser entregues todos os dias da semana, incluindo sábados e domingos no Centro de Testagem da Covid-19 que funciona no Ginásio Esportivo Municipal.

As Unidades Básicas de Saúde (UBS’s) dos bairros também estão aptas a receber os alimentos.

Onde entregar as doações

Unidades Básicas de Saúde (UBS’s): nos horários habituais de funcionamento, manhã e tarde. De segunda a sexta. Ainda nos finais de semana (obs: só nas UBS’s abertas em dias de sábado e domingo).

Centro de Testagem Covid-19 do Ginásio Municipal de Esportes: das 07h00 às 11h00 e das 13h00 às 17h00.

*Com informações da PMM

Os 100 primeiros dias da gestão de Allyson Bezerra

sábado, 10 de abril de 2021

A nova administração municipal de Mossoró completa 100 dias neste sábado, 10 de abril de 2021. Como o prefeito Allyson Bezerra (SDD) vem imprimindo seu ritmo de trabalho na gestão do município?

O prefeito tem sido vivo com a opinião pública.
Na foto, ao lado da "sua" placa, com colete do SUS, na inauguração da UBS Costa e Silva
(Foto: Secom/PMM)

Em períodos normais, os primeiros 100 dias de gestão são simbólicos para marcar análises de como se desenrolou uma nova gestão após a legitimação das urnas.

Já neste período de emergência sanitária, em meio à pandemia que nos rouba tempo e vidas, as análises focam mais nas ações de enfrentamento do surto pandêmico. Em um cenário de incertezas, os 100 primeiros dias também não servem para fazer prospecções para os próximos 100, 200, 300 dias.

Dando esse desconto, o que é possível afirmar desses 100 primeiros dias é que o básico tem sido feito. As respostas às demandas levantadas pela sociedade tem sido mais rápidas e com menos confrontos com a ciência, independente do posicionamento político do gestor.

O que se pode perceber é que o "Prefeito blogueiro" - como a oposição e até os apoiadores costumam nominar Allyson Bezerra nos bastidores devido à sua forte atuação nas redes sociais - é atento ao que pode lhe causar desgaste e tem atuado com primeiros socorros justamente nos pontos que são alvos das primeiras críticas. Se a insatisfação sobre um tema ou ação começa a tomar proporções maiores, ele age exatamente ali.

Foi o que aconteceu nos primeiros dias da vacinação contra a Covid-19 em Mossoró. Ainda na remessa inicial, a prefeitura não parecia ter planejado o modo de operação da imunização. Com as aglomerações de idosos nas unidades de saúde, e a enxurrada de críticas, alguns dias depois a equipe organizou uma logística que hoje tem rendido elogios à gestão.   

A instauração da vacinação no final de semana é outro exemplo simbólico. A sociedade pedia, mas as justificativas iam desde o cansaço dos trabalhadores da saúde, até a escassez de vacinas - mesmo com doses que ficavam guardadas durante os sábados e domingos. Em um dado momento ficou mais difícil ignorar o coro da população e a gestão finalmente admitiu que precisava ampliar os dias de imunização. Resultado: a vacinação no final de semana é um sucesso.

A UBS do Costa e Silva, inaugurada na última quinta-feira (8), estava pronta desde o ano passado, ainda da gestão Rosalba Ciarlini (PP). Fora construída com R$ 519 mil de emendas parlamentares de Beto Rosado (PP), segundo o próprio deputado, que cobrou em suas redes sociais a abertura do equipamento nesse momento de urgência da saúde. Alguns dias depois, Allyson Bezerra abriu a unidade, com direito a descerramento de placa e aglomeração de equipe e políticos apoiadores. 

A abertura de novos pontos de testagem em massa, da UEI da Estrada da Raiz e a (re)instalação de pontos fixos de guardas municipais passaram pelo mesmo processo. 

Isso é positivo? Por um lado sim. O Prefeito e sua equipe mostram que estão abertos às críticas, ao diálogo e à mudança de atuação a partir daí. Mas por outro, pode significar ainda uma falta de norte e planejamento em áreas importantes e urgentes, como a saúde em momento de pandemia.

Secretário do Governo do RN faz desafio aos críticos que espalham fake news sobre a sua gestão

O secretário do Planejamento desafiou: se provarem que o Tribunal de Contas do Estado relatou algum uso indevido dos recursos da União, ele deixa o cargo na segunda-feira

Aldemir Freire é secretário de Planejamento na gestão de Fátima Bezerra (PT) desde o início do mandato.

Após mais de uma ano de pandemia, a propagação de notícias falsas sobre a sua gestão, feita principalmente por apoiadores do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), se avolumam nas redes sociais e propagam alegações sem comprovação, como desvios de recursos públicos que teriam sido denunciados pelo Ministério Público e Tribunal de Contas.

#TBT do Blog: abertura de inquéritos no STF contra Rosalba, Robinson, Garibaldi, Agripino e outros 104

quinta-feira, 8 de abril de 2021

Há quatro anos, em 2017, a segunda semana de abril foi marcada pela abertura de inquéritos contra cerca de 80 de políticos no STF. Dentre eles, vários do Rio Grande do Norte.
As investigações atingiam praticamente todo o palanque de Rosalba das eleições de 2010: incluindo o atual ministro das Comunicações, Fábio Faria (à esquerda).
O Blog Carol Ribeiro vai completar 5 anos de atuação no próximo mês de agosto. Durante esse tempo, muita coisa aconteceu e algumas já estão turvas na memória.

O #TBT do Blog tem a pretensão de relembrar fatos que viraram notícia aqui, em Mossoró, no RN e no Brasil

A segunda semana de abril de 2017 no Rio Grande do Norte foi movimentada pelas notícias nacionais. Na onda do lavatismo, Rodrigo Janot, então Procurador Geral da República, enviava ao Supremo Tribunal Federal - STF pedido de abertura de 83 inquéritos para investigar 108 pessoas, a maioria políticos.

Dentre os investigados estavam vários políticos potiguares, quase todos que compuseram o palanque de Rosalba Ciarlini (PP) nas eleições de 2010, quando era filiada ao DEM.

Além de Rosalba, naquela altura prefeita de Mossoró, também foram alvos o governador Robinson Faria (PSD), os senadores Garibaldi Filho (PMDB) e José Agripino (DEM), os deputados Felipe Maia (DEM) e Fábio Faria (PSD) - o único dessa leva que conseguiu se reeleger em 2018.

A ex-governadora do RN e agora prefeita de Mossoró, Rosalba Ciarlini, e o governador Robinson Faria, são citados entre cerca de 80 políticos que estão na lista do Ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Eduardo Fachin, relator da Lava Jato.

A assessoria de comunicação da ex-governadora divulgou nota de esclarecimento, em que, obviamente, nega envolvimento com doações da Odebrecht.

Abaixo o pronunciamento do governador Robinson Faria (PSD) a respeito das citações do nome dele em delações premiadas da Operação Lava Jato e na lista do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF).

Henrique Alves conversa com Fátima Bezerra

terça-feira, 6 de abril de 2021

O ex-deputado parabenizou a governadora por ter se vacinado e critica contexto nacional da pandemia

Mais de 450 mossoroenses ainda não retornaram para 2ª dose da vacina contra a COVID-19

Somente após a aplicação da segunda dose é que a imunização passa a ter a eficácia verificada nos testes.

Foto: Célio Duarte

Do Blog Saulo Vale: Dados da Secretaria Municipal de Saúde desta terça-feira apontam que 470 mossoroenses ainda não retornaram à Unidade Básica de Saúde (UBS) para tomar a segunda dose da vacina Coronavac.

A segunda dose deve ser aplicada 28 dias após a primeira.

O coordenador do setor de Imunização, Etevaldo Lima, informou ao Blog Saulo Vale que os números correspondem, em sua maioria, a idosos, mas acrescenta que há também profissionais de Saúde dentre os faltosos.

Ele apela para que as pessoas procurem a segunda dose, mesmo aquelas que porventura perderam o prazo dos 28 dias.

"A segunda dose serve para reforçar a imunização. Não pode deixar de ser recebida de forma alguma. Reservamos a segunda dose, mas, infelizmente, uma quantidade até significativa de pessoas não tem comparecido. Pedimos que se dirijam às unidades e garantam a imunização contra o coronavírus", afirma.

Balanço

Segundo dados do RN Mais Vacina, Mossoró aplicou 42.060 doses, entre segunda e primeira dose. No total, 36.006 pessoas foram vacinadas. O município recebeu 48.553 doses. Os números são da manhã desta terça-feira.

Nesta etapa, a Prefeitura tem vacinado idosos a partir de 63 anos de idade, além de pessoas em situação de rua.

Governo do RN apresenta prestação de contas referente ao exercício 2020

segunda-feira, 5 de abril de 2021

Em mensagem no encaminhamento da prestação de contas à Assembleia Legislativa, Fátima destaca investimentos para salvar vidas

TCE fiscaliza aquisição de vacinas e pede informações sobre contrato da Sputnik V

Dúvidas sobre aplicação das doses adquiridas, riscos de não execução contratual e relação dos processos relacionados à compra são algumas solicitações do Tribunal

#TBT do Blog: abandono do Parque Municipal, novela das insulinas, Ronda Cidadã e Reforma Trabalhista

Relembre o que era notícia 4 anos atrás, quando Rosalba era prefeita, Robinson governador, Temer presidente da República e Rogério Marinho deputado reformista

O Blog Carol Ribeiro vai completar 5 anos de atuação no próximo mês de agosto. Durante esse tempo, muita coisa aconteceu e algumas já estão turvas na memória.

O #TBT do Blog estreia hoje com a pretensão de relembrar fatos que viraram notícia aqui, em Mossoró, no RN e no Brasil.

Confira o que era notícia na primeira semana de abril de 2017:

Parque Municipal não tem manutenção e mostra imagem de abandono

Nesse período de chuvas é visível a falta de manutenção no parque, que também não conta mais com segurança do município.

Cenário do Mossoró Cidade Junina some de Barracão da Prefeitura

Se deram conta que cenários do Mossoró Cidade Junina, elementos de cena do MCJ, máquinas de costura da antiga FUNGER e sete geradores de energia foram levados.

Prefeitura anuncia chegada de insulinas, mas lote ainda não é suficiente para demanda

A PMM deve iniciar a entrega do medicamento do lote emergencial nesta terça-feira (04).

Programa Ronda Cidadã não deve afastar criminalidade de Mossoró

É muita inocência acreditar que o Ronda Cidadã possa efetivamente reduzir os índices de criminalidade em toda a cidade, com duas viaturas, três motocicletas e nenhum - isso mesmo, nenhum - homem a mais.

Deputado do PSDB discute em Mossoró a "Modernização das relações trabalhistas"

Relator da comissão que analisa a reforma das leis trabalhistas na Câmara, Rogério tem participado de seguidos debates com representantes de sindicatos, entidades patronais e membros da Justiça do Trabalho.

Postagens anteriores → ← Postagens mais recentes
CAROL RIBEIRO RECOMENDA