Banner CMM

quinta-feira, 20 de abril de 2017

Deputados do RN aprovam urgência para tramitação da Reforma Trabalhista

Compartilhar
(Imagem: Reprodução)

Ontem o presidente da Câmara dos Deputados Rodrigo Maia (DEM/RJ) fez uma manobra regimental e recolocou em votação a urgência na tramitação da reforma trabalhista. O placar foi de 287 x 144. O resultado conseguiu reverter a rejeição do dia anterior que tinha rejeitado a pressão.

Pesou a pressão do presidente Michel Temer que levou 24 deputados a reverterem os votos. Entre eles está o potiguar Walter Alves (PMDB) que tinha votado contra a urgência e agora votou a favor.

Também colaborou o aparecimento de deputados ausentes na primeira votação. Fábio Faria (PSD) e Beto Rosado (PP) faltosos na terça-feira deram a cara a tapa votando a favor da urgência. Já Antônio Jácome (PTN), também ausente no dia anterior, decidiu votar contra.

Rogério Marinho (PSDB), Rafael Motta (PSB) e Felipe Maia (DEM) mantiveram o voto a favor enquanto Zenaide Maia (PR) seguiu votando não.

Abaixo o quadro com o comportamento dos potiguares em relação a proposta:

Felipe Maia (DEM) - Sim
Rogério Marinho (PSDB) - Sim
Fábio Faria (PSD) - Sim
Antônio Jácome (PTN) - Não
Zenaide Maia - Não
Rafael Motta (PSB) - Sim
Beto Rosado (PP) - Sim
Walter Alves (PMDB) - Sim