Secretária de Cultura explica aplicação de recursos em Mossoró

Em reunião remota hoje (17), a Comissão de Educação, Cultura, Esporte e Lazer (Cecel) da Câmara Municipal de Mossoró conversou, entre outros temas, sobre cultura com a secretária municiipal da pasta, Isaura Amélia Rosado. Sobre a lei federal de apoio à classe artística na pandemia de Covid-19, Isaura Amélia reiterou que Mossoró receberá diretamente do Governo Federal R4 1,9 milhão. O dinheiro chegará dia 6 de agosto, com 120 dias para ser usado.

Ele explicou que são três linhas de financiamento: a primeira, semelhante ao Auxílio Emergencial, não acumulativo. A segunda, de R4 3 mil a R$ 10 mil, em três parcelas, para espaços culturais, com necessidade de CNPJ, que abrigue iniciativa cultural em sede física ou virtual, 3 parcelas. “Vamos abrir cadastro semana vem para registrar as sedes”, informa.

(Foto: reprodução)

A terceira vertente contempla editas. Segundo ela, estão se iniciando diálogos com segmentos culturais, de início com setores de tecnologias, DJs, quadrilhas juninas e artesões. “Queremos que enviem à Secretaria de Cultura sugestões para os editais. Não sabemos valor ainda, porque será o saldo do item 2, mas vão começar concomitantemente”, diz.

Por fim, Isaura Amélia demonstrou preocupação como o Governo do Estado dividirá os R$ 32 milhões que receberá do Governo Federa para os municípios, também da Lei Aldir Blanc. “Não se trata de transferir dinheiro às contas da Prefeitura, mas aplicar em editais. Espero que seja levado em conta os mesmos critérios do Governo Federal, a população e o FPM”, afirma.

POLÍTICA

ECONOMIA

MULHER

CULTURA

CAROL RIBEIRO RECOMENDA