Policiais civis deixam Governadoria e decidem encerrar greve

Compartilhar

A categoria deve se reunir com o chefe do Gabinete Civil, Raimundo Alves, neste sábado (12), às 15h

Policiais estavam ocupando sede do Governo desde a manhã desta sexta-feira (11)
(Foto: reprodução)

Os agentes e escrivães da Polícia Civil decidiram deixar o prédio da Governadoria no início da noite desta sexta-feira, 11. Além disso, também foi decido pelo fim da paralisação, seguindo o que foi determinado pela Justiça. 

Os delegados já haviam tomado a decisão um pouco mais cedo.

Leia mais:

Delegados suspendem greve no RN

A categoria recebeu a confirmação do agendamento de uma reunião com o chefe do Gabinete Civil, Raimundo Alves, para este sábado, 12, às 15h, para discutir a proposta que foi apresentada pelas entidades ainda no ano passado.

O Governo assumiu o compromisso de negociar a nossa proposta levando em conta a preservação da estrutura da carreira dos policiais civis, o que não tinha acontecido até então.

Diante disso, a categoria se reuniu em Assembleia Geral e decidiu por deixar o salão da Governadoria, bem como encerrar a paralisação, seguindo a decisão judicial.

Também ficou marcado que os policiais civis que estiverem de folga vão se concentrar em frente à Governadoria na tarde deste sábado, a partir das 15h, para aguardar o resultado da reunião com o Gabinete Civil. 

Na ocasião, a diretoria do SINPOL-RN vai repassar todas as informações do que será negociado com o Governo. "Hoje foi um dia muito importante em que os policiais civis mostraram força e disposição de luta. Conseguimos avançar e termos a garantia da retomada do diálogo. Então, esperamos que agora o Executivo passe a olhar para nossa pauta com a sensibilidade que a categoria merece", afirma Edilza Faustino, presidente do SINPOL-RN.

Compartilhar

0 comentários em "Policiais civis deixam Governadoria e decidem encerrar greve"

Postar um comentário

Postagens anteriores → ← Postagens mais recentes
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial
CAROL RIBEIRO RECOMENDA