Sistema de inteligência turística do RN demonstra que o turista aumentou estada e gasta até 50% a mais que em 2021

Compartilhar

Sírio vem com novidades para 2022 e já constata mudanças no perfil do turista que visitam o Estado

Comemorando um ano de vida, o Sírio - premiado nacionalmente Sistema de Inteligência Turística do Rio Grande do Norte -  passou a contar com sete painéis de dados interativos, aumentando em mais de 50% os quatro painéis presentes no seu lançamento, a previsão até o fim deste ano é que o sistema tenha no total, pelo menos, nove painéis informativos. O sistema pioneiro no Norte-Nordeste conta com a ampliação das ações de monitoramento para 2022 e a expansão do conhecimento sobre a atividade turística que auxiliam na identificação do comportamento dos turistas. Recentemente o sistema apontou que o comportamento dos turistas que vêm ao RN mudaram: agora permanecem em média um dia a mais no destino (os dados constam  que a permanência de sete dias em 2022 versus seis dias em 2021) e gastam até 50% a mais, se comparado com 2021.  

A grande novidade para 2022 é o monitoramento de conteúdo gerado nas principais redes sociais e na web com o auxílio da plataforma de inteligência artificial e Big data, a Sentimonitor, com foco em social listening. De acordo com o head de inteligência da Emprotur, Leonardo Seabra, espera-se que a partir desse monitoramento seja possível entender melhor como os usuários citam o Rio Grande do Norte e seus destinos e atrativos.

A equipe que trabalha no Sírio também fará o monitoramento da entrada de turistas estrangeiros no Brasil, com filtros específicos para análises mais apuradas, com os dados também disponibilizados em um painel exclusivo. 

“Iremos, de forma espontânea, medir o impacto dos esforços nas redes sociais e comparar com as estratégias dos concorrentes, antecipando tendências e entendendo as demandas. Também seremos capazes de identificar os principais geradores de conteúdo sobre destinos turísticos e os maiores influenciadores, comparar dados de engajamento e analisar o sentimento dos usuários sobre o Estado, avaliar a geração de mídia espontânea e o resultado das campanhas, além de encontrar as melhores histórias para ampliar o potencial de comunicação” explica Leonardo Seabra, responsável pela gestão do Sírio no Governo do Estado.

Compartilhar

0 comentários em "Sistema de inteligência turística do RN demonstra que o turista aumentou estada e gasta até 50% a mais que em 2021"

Postar um comentário

Postagens anteriores → ← Postagens mais recentes
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial
CAROL RIBEIRO RECOMENDA