Banner CMM

quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

Jório Nogueira afirma que exoneração foi um pedido do procurador-geral

Compartilhar
Ex-procrador-geral da Câmara de Mossoró, Kennedy Salvador
(Foto: Redes Sociais)
O presidente da Câmara Municipal de Mossoró (CMM), Jório Nogueira, acaba de divulgar nota oficial sobre a exoneração do procurador geral da CMM, Kennedy Salvador.

Ele afirma que não atendeu à exigência dos vereadores, mas que a saída foi pedida pelo servidor. Acompanhe:

O presidente da Câmara Municipal de Mossoró, Jório Regis Nogueira, comunica que o advogado Kennedy Salvador de Oliveira pediu exoneração do cargo de procurador-geral do Legislativo, segunda-feira (5), diante dos últimos acontecimentos administrativos e políticos na Casa.

Informa que o pedido só foi acatado nesta terça-feira (6), depois de chegar-se à conclusão de que a saída do servidor, apesar de desfalcar o quadro técnico da Casa, não compromete a meta da atual gestão de conseguir o equilíbrio orçamentário na Câmara Municipal.

Jório Nogueira enaltece o excelente trabalho realizado por Kennedy Salvador de Oliveira enquanto procurador-geral da Casa, e agradece a contribuição dada pelo advogado à Câmara Municipal de Mossoró, onde reafirmou sua postura de coragem, fidelidade e zelo com o Erário.

Presidência da Câmara Municipal de Mossoró