quarta-feira, 14 de novembro de 2018

Fátima Bezerra não participará da primeira reunião de governadores com Bolsonaro

Compartilhar
(Foto: divulgação)
O governo eleito do Rio Grande do Norte informa, por meio de nota, que não estará presente na reunião que vai acontecer hoje (14) entre o presidente eleito Jair Bolsonaro e os governadores eleitos e reeleitos.

Os chefes do Executivo da região serão representados pelo governador do Piauí, que vai requerer a Jair Bolsonaro uma audiência exclusiva sobre os interesses do Nordeste.

Ao invés disso, Fátima Bezerra (PT) participa de Fórum de governadores da região, em que formarão pauta comum para apresentar ao presidente da República.

Veja informação na íntegra:

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Os governadores eleitos e reeleitos do Nordeste decidiram, em fórum próprio, que o governador do Piauí, Wellington Dias, representará os estados da região durante a reunião que ocorrerá nesta quarta-feira (14) com o presidente eleito, Jair Bolsonaro, e o futuro ministro da Fazenda, Paulo Guedes. O chefe do executivo piauiense solicitará, na ocasião, uma nova audiência para que os representantes dos estados nordestinos possam tratar e apresentar as demandas e defender os interesses da região.

A governadora eleita do Rio Grande do Norte, senadora Fátima Bezerra, participará na próxima semana do Fórum dos Governadores eleitos e reeleitos do Nordeste, ocasião em que se desenhará uma pauta em comum a ser apresentada ao presidente da República eleito e equipe.

Fátima Bezerra reafirma a total disposição em dialogar com o futuro Governo da República e defender, como sempre fez, os interesses do povo potiguar.

Veja nota dos governadores do NE:

Governadores do Nordeste Unidos e prontos para trabalhar pelo Brasil. 

“Quando os governadores eleitos pelo DF, SP e RJ tiveram a importante iniciativa deste encontro,  nós do Nordeste, conforme fazemos desde 2004, tínhamos agendado para 21/11 agenda preparatória da região e pedido agenda ao Presidente Eleito para pauta comum. Até 20/11 os governadores  organizaram suas agendas de transição e missões internacionais. Por isto é que coube a mim apresentar neste encontro e ao Presidente eleito Jair Bolsonaro a memória da pauta do Fórum dos Governadores e pedido de agenda sobre Pauta, priorizando no primeiro encontro Fomento ao Crescimento Econômico para Geração de Emprego e também a prioridade para Plano Nacional de Segurança".