quinta-feira, 8 de agosto de 2019

RN institui Dia Estadual de Combate ao Feminicídio

Compartilhar
(Foto: divulgação)
No dia em que a Lei Maria da Penha completou 13 anos, nesta quarta-feira (07), a Assembleia Legislativa do RN aprovou Projeto de Lei que institui o 15 de julho como dia estadual de combate ao feminicídio. A data faz referência à chacina na qual 5 mulheres foram brutalmente assassinadas na cidade de Itajá, região Oeste do Estado.

O último quadro apontado pelo Observatório da Violência (OBVIO) mostra que, nos primeiros seis meses de 2019, pelo menos 53 mulheres já foram assassinadas no Rio Grande do Norte. 

A deputada Isolda Dantas (PT), autora do projeto, diz que “prevenir e enfrentar a violência contra a mulher se faz cada vez mais urgente no nosso Estado e nosso país. É preciso que toda a sociedade se envolva nesta luta. Pra isto propomos a lei. No parlamento, nas ruas e roçados, seguiremos firmes por uma sociedade de igualdade.”