segunda-feira, 23 de setembro de 2019

O "golpe na ESAM em 1991" é tema de documentário que vai ser exibido na UFERSA

Compartilhar
Pensando no momento crítico em que as Universidades Federais estão enfrentando, no próximo dia 24 o SINTEST/UFERSA exibirá o documentário “Democracia, um sonho distante. A história de luta da ESAM contra o golpe de 1991”, no Auditório Amâncio Ramalho, às 15h. A iniciativa conta com a parceria do DCE Romana Barros.

De acordo com o portal de Notícias G1, até o mês passado, o governo interferiu em seis das doze nomeações de reitores de universidades federais. Em cinco casos, o nomeado não encabeçou a lista tríplice. Em outro, uma reitora temporária de fora da lista foi indicada. Entre institutos federais, o nome escolhido foi respeitado em 5 das 6 ocasiões.

“Diante desse cenário, nós do sindicato avaliamos a necessidade de rever o que aconteceu no passado, pois consideramos que o que aconteceu em 1991, pode sim acontecer novamente com esse governo. É necessário revisitar o passado para que criemos força para continuar na luta pela educação pública, gratuita, de qualidade e democrática”, afirma Francimar Honorato, coordenador de comunicação do SINTEST/UFERSA.

O documentário conta como se deu a eleição para direção da Escola Superior de Agricultura de Mossoró (ESAM) em 1991 quando o Conselho Técnico Administrativo (CTA) mudou o regimento e desconsiderou a chapa “Alternativa” que havia sido eleita democraticamente para eleger o candidato da oposição que havia sido derrotado nas urnas, uma manobra que ficou conhecida como o golpe da ESAM.

Alguns dos personagens que fizeram parte desse momento histórico da universidade estarão presentes para contar sua experiência naquela época. O documentário será exibido no Auditório Amâncio Ramalho, às 15h. A entrada é gratuita.