Especialista em segurança e Coronel da PM opinam sobre queda no número de homicídios do RN - Blog Carol Ribeiro

quinta-feira, 24 de outubro de 2019

Especialista em segurança e Coronel da PM opinam sobre queda no número de homicídios do RN

O coordenador de análises criminais da Secretaria de Estado da Segurança Pública do RN, Ivenio Hermes, comemora a queda nos números de homicídios divulgada ontem (24). Ele, que conversou com o Blog, defende que a redução  decorre do alinhamento das atividades de policiamento, de controle prisional e de investigação, ao saber científico norteador de diretrizes eficazes e de monitoramento de resultados. Para ele, isso gera uma "atividade inteligente da polícia".

Ivenio, no entanto, não concorda que a redução do número de homicídios registrada no final do ano passado tenha a mesma motivação. "No ano passado tínhamos uma desaceleração natural, haja vista que as taxas de 2017 foram tão altas, que estatisticamente já se esperava uma diminuição em 2018", afirma.

O coordenador garante que o que ocorre em 2019 é uma redução palpável, pois se compararmos até com 2015, essa queda se apresenta real.

Assustador

Já o diretor dos comandos da PM, Coronel Alvibá Gomes, em entrevista ao Cenário Político (TCM Telecom), no dia 23 de novembro, explicou a queda na quantidade de crimes violentos no Rio Grande do Norte. 

O então comandante de Policiamento Regional do RN explica que existem fatores que dificultam o trabalho de redução da violência no RN. O baixo efetivo de policiais e a carência na investigação também é um fator que dificulta a redução.

Ele destaca que hoje, apesar da redução geral, não se pode dizer que a situação é boa. "O quadro é assustador", disse. E completou que é preciso um conjunto de ações integradas das policias, junto com outros órgãos, como o MPRN e MPF para redução efetiva da violência no nosso estado.

Dados 

O Governo do RN, através da Secretaria da Segurança Pública e da Defesa Social divulgou, nesta quarta-feira (24), dados estatísticos que comprovam a redução de Condutas Violentas Letais e Intencionais (CVLIs) em 2019, quando comparado aos últimos anos, desde 2015. De acordo com o Governo, até o mês de outubro, mais de 500 vidas foram poupadas em relação ao ano de 2018.

Os números divulgados pela Coordenadoria de Informações Estatísticas e Análise Criminal (Coine) apresentam que, em números totais, de janeiro a outubro de 2019 foram contabilizados 1.172 homicídios, uma diminuição em 29,9% em comparação a 2018. No ano passado foram registradas 1.673 ocorrências. A redução se destaca quando comparada com os anos de 2017, 2016 e 2015, quando foram apontados 2.010 homicídios, 1.600 e 1.292, respectivamente.

Dados contabilizados até hoje (24) detalham números da violência no RN (Imagem: reprodução)

Um dos destaques que a secretaria de segurança pública faz é a baixa em ocorrências de homicídio doloso (com intenção de matar). De janeiro a outubro do ano passado, foram registrados 1.263, no mesmo período em 2019, 827 casos foram apontados, uma redução em 34,5%.

Outra diminuição ocorreu nos números de latrocínios (roubo seguido de morte). Em 2019, ocorreram 46 registros no estado, diante dos 81 crimes desse tipo que aconteceram no mesmo período em 2018, uma redução em 43,2%.


CAROL RIBEIRO RECOMENDA

Tags

95 FM Aeroporto Alcaçuz Alex do Frango Aline Couto Allyson Bezerra ALRN Amélia Ciarlini APAMIM APRAM Bancos Beto Rosado Blog Carol Ribeiro Bolsonaro Bombeiros Brasil Câmara Federal Campanha Eleitoral Candidatos Carlos Eduardo Alves CEF Cenário Político Claudio Santos CMM Comentário Comunicação Congresso Nacional Conversa de Alpendre Cultura Dama de Espadas Debate Decisão Judicial DEM Denúncia Deputados Estaduais Deputados Federais Desvio DETRAN-RN Dilma Roussef Direitos da Mulher Direitos Humanos Economia Educação Eleições 2016 Eleições 2018 Eleições 2020 Escola sem partido Esporte Evento Ezequiel Ferreira Fafá Rosado Fake News Fátima Bezerra FECAM-RN Feminismo Fernando Mineiro Flávio Tácito Fora Temer Francisco José Junior Garibaldi Alves Gastos Públicos Gilberto Diógenes Governismo Governo do Estado Governo do RN Governo Federal Greve Guarda Municipal Gutemberg Dias Haddad Henrique Alves Herval Sampaio Horário Eleitoral Hospital da Mulher HRTM IFRN Impeachment Impugnação Infraestrutura Isolda Dantas Izabel Montenegro João Gentil Jorge do Rosário Jório Nogueira Jornalista José Agripino Josué Moreira Justiça Criminal Justiça do Trabalho Justiça Eleitoral Justiça Federal Karliane Nonato Kelps Lima Larissa Rosado Lava Jato LDO LMECC LOA Lula MCJ MDB Meio Ambiente Meio Dia Mossoró Michel Temer Ministério da Saúde Ministério Público Eleitoral Mossoró Mossoró Cidade Junina Movimento Estudantil MPF MPRN Mulher Natal/RN Nayara Gadelha Nordeste Novo Eleitoral OAB Opinião Pagamento Paralisação PCdoB PDT Pedro Fernandes Pesquisa de Opinião Petrobras PF PHS Plenário TCM PM-RN PMDB PMM PMN Polícia Civil Política Política cultural Política eleitoral Política social Políticas LGBTs Políticas Públicas para as Mulheres PP PR PRB Presidência da República Prestação de Contas PREVI-Mossoró Previdência Social Prisão Propaganda Eleitoral PSB PSD PSDB PSDC PSL PSOL PT Rayane Andrade Reajuste Rede Redes Sociais Reforma da Previdência Renúncia Ricardo Motta RN Robinson Faria Rosados Rosalba Ciarlini Sandra Rosado Saúde Saúde da Mulher Secretária Estadual de Saúde Secretaria Estadual de Segurança Secretaria Municipal de Saúde Secretariado Segurança Senado Serviços Terceirizados Servidores Setor Salineiro SindGuardasRN Sindiserpum Sindsaúde/RN SINPOL SINSP SINTE Solidariedade STF Styvenson SUS Tapetão TCE-RN TCM Teatro Lauro Monte Tião Couto Tibau TJRN Trânsito e transporte TRE-RN Tributação TSE UERN UFERSA Vereadores Vice Violência contra a mulher Wilma de Faria Zenaide Maia