Governo do RN emite nota sobre fuga de Alcaçuz

Compartilhar
Confira abaixo a nota do Governo do RN sobre a fuga registrada no último sábado na Penitenciária de Alcaçuz.

Vista aérea da Penitenciária Estadual de Alcaçuz

NOTA À IMPRENSA

A Secretaria da Administração Penitenciária (SEAP) registrou neste sábado (17) a fuga de 12 internos da Penitenciária Estadual de Alcaçuz, em Nísia Floresta. A Polícia Penal e as forças de Segurança Pública estão mobilizadas na operação de captura.  A última fuga em Alcaçuz ocorreu em 2018, quando um detento fugiu, e foi recapturado.  Antes, em 2017, ocorreu uma grande fuga, quando 56 apenados escaparam.

Quanto ao episódio desta madrugada, os fugitivos estavam custodiados na cela 9, ala A, do Pavilhão IV. O Pavilhão abrigava 738 presos. 

A direção do estabelecimento prisional registrou Boletim de Ocorrência. Peritos do Instituto Técnico Científico de Polícia (ITEP) foram acionados para realizar perícia no local. A SEAP instaurou procedimento para apurar as circunstâncias da fuga. 

Participam da operação de buscas os policias de plantão, além do efetivo extra acionado pela SEAP, incluindo o Grupo de Operações Especiais (GOE), Grupo Penitenciário de Operações com Cães (GPOC), Grupo de Escolta Penal (GEP) e Departamento de Operações Táticas (DOT). A Polícia Militar e Polícia Rodoviária Federal prestam apoio a ação. 

A Penitenciária de Alcaçuz abriga 1.649 presos condenados pela Justiça. 

Relação dos fugitivos:

1- Alziro Tony da Silva
2- Antônio Marcos Sena da Silva
3- Cleyton Marques de Mendonça
4- Francisco Alef Guedes de Lima
5- Francisco Damião Virgínio de Oliveira 
6- Francisco Eliomar Faustino Júnior
7- Francisco Rat Pereira da Costa
8- Genilson Silva de Andrade 
9- Henrique de Oliveira Souza 
10- Ivanaldo Sales da Silva 
11- Max Soares da Silva
12- Osvanildo Maria da Silva

Natal (RN), 17 de julho de 2021.

GOVERNO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE
ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL – ASSECOM
Compartilhar
Postagens anteriores → ← Postagens mais recentes
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial
CAROL RIBEIRO RECOMENDA