TSE divulga esclarecimentos sobre voto auditável da urna eletrônica

Compartilhar

Informações postadas nas redes sociais fazem parte de série de esclarecimentos sobre a segurança e veracidade das urnas eletrônicas brasileiras 

(Imagem: divulgação)

Do TSE

A urna eletrônica carrega 25 anos de história e, não custa lembrar: o processo eletrônico de votação é auditável de várias formas e envolve a sociedade por completo.

É isso mesmo, a Justiça Eleitoral disponibiliza mecanismos e eventos que permitem a atuação ativa do cidadão como agente fiscalizador, venha conhecê-los:

Boletim de urna

Por meio de um aparelho celular, eleitor pode conferir o resultado de seções eleitorais e atestar a confiabilidade do sistema eletrônico de votação, comparando o extrato da seção com o que foi enviado para o site do @tsejus.

Teste público de segurança

Qualquer cidadão pode participar do evento que busca a colaboração da sociedade para o aperfeiçoamento do software e/ou hardware da urna eletrônica.

Teste de integridade da urna

É uma auditoria que ocorre no dia das eleições e para a qual são convidados fiscais de partidos políticos e coligações, representantes da Ordem dos Advogados do Brasil, bem como entidades representativas da sociedade.

Aplicativo pardal

Nas eleições, permite o envio de denúncias com indícios de práticas indevidas ou ilegais no âmbito da Justiça Eleitoral durante as campanhas eleitorais.

Mesários

O mesário é um representante da Justiça Eleitoral que compõe a mesa receptora de votos. Qualquer um pode ser mesário, receber o treinamento específico e acompanhar bem de perto a eleição.

Fiscais eleitorais e delegados de partido

O fiscal é um representante do partido que fica, por delegação dos candidatos ou de grupos partidários que o apóiam, junto à mesa de votos para fiscalizar a apuração ou apresentar impugnações. O delegado é a pessoa credenciada pelo partido na #JustiçaEleitoral para representá-lo.

Lacração de sistemas

30 dias antes da eleição, o TSE realizada a Cerimônia de Assinatura Digital e Lacração dos Sistemas Eleitorais. Todos os sistemas utilizados na votação, apuração e totalização são lacrados e assinados digitalmente em cerimônia pública, exigida por lei.

Compartilhar

0 comentários em "TSE divulga esclarecimentos sobre voto auditável da urna eletrônica"

Postar um comentário

Postagens anteriores → ← Postagens mais recentes
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial
CAROL RIBEIRO RECOMENDA