Kelps diz que não liberação de emendas é represália do Governo à CPI da COVID-19

Compartilhar

O deputado diz que a perseguição acontece aos municípios de Apodi, Umarizal, Serra do Mel, Riachuelo, Assú, Macaíba, Mossoró e outros

(Foto: Eduardo Maia)

Questionando o não pagamento das emendas parlamentares por parte do Governo do Estado, o deputado Kelps Lima (SDD) declarou nesta quarta-feira (3), em pronunciamento na Assembleia Legislativa, que o posicionamento do Executivo é uma retaliação à Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investiga as ações do Governo voltadas à pandemia do novo Coronavírus.

“As emendas parlamentares não estão sendo pagas aos municípios potiguares por represália à CPI da COVID-19. Não tenho dúvida alguma. A governadora, através do líder do Governo na Casa, pediu aos deputados que enviassem as suas prioridades a serem pagas – e ele foi inclusive muito correto nas conversas conosco. Acontece que o Governo desmoraliza a sua liderança no momento em que fez com que ele empenhasse a sua palavra sem que fosse cumprida”, disse Kelps.

Direcionando-se aos munícipes de Apodi, Umarizal, Serra do Mel, Riachuelo, Assú, Macaíba, entre outros, o parlamentar declarou que “o dinheiro das emendas não está nas contas porque o Governo não aceita a CPI da COVID-19. O mesmo acontece em Mossoró, que também sofre perseguição. Cabe à governadora dar explicações a esses municípios”, observou.

Mesmo alegando represália por parte do Governo, o deputado Kelps Lima, que preside a CPI da COVID-19, assegurou que a comissão não irá se intimidar e que as investigações seguirão. “A governadora Fátima Bezerra prejudica as cidades por cunho politiqueiro, mas a CPI não vai parar por emendas parlamentares”, falou.

Em aparte, o deputado Tomba Faria (PSDB) pediu a união dos pares na Assembleia Legislativa em favor da situação. “Precisamos tomar uma providência urgente e parar as pautas do Governo do Estado nessa Casa até que ele pare para conversar conosco”, concluiu.

Compartilhar

0 comentários em "Kelps diz que não liberação de emendas é represália do Governo à CPI da COVID-19"

Postar um comentário

Postagens anteriores → ← Postagens mais recentes
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial
CAROL RIBEIRO RECOMENDA