Câmara de Mossoró aprova lei que obriga Prefeitura a responder cobranças da população - Blog Carol Ribeiro

quinta-feira, 8 de novembro de 2018

Câmara de Mossoró aprova lei que obriga Prefeitura a responder cobranças da população


Um projeto de lei do vereador Genilson Alves (PMN) poderá dar celeridade ao envio de informações à Câmara de vereadores sobre as indicações e os pedidos de providências remetidos ao poder executivo. Atualmente o que acontece é que os parlamentares recebem as cobranças da população como falta de calçamentos, buracos e outras tantas, repassam em plenário por meio, por exemplo de requerimentos ao executivo, mas a prefeitura não responde aos pedidos e questionamentos.

Na terça-feira (07/11) os parlamentares derrubaram parecer da comissão de constituição justiça e redação que barrava o projeto de lei 135/2017 que tramita na casa deste junho do ano passado.




O líder da bancada governista na Câmara de Mossoró, Alex Moacir (MDB) disse que: “infelizmente o executivo tem demorado nessas respostas e o projeto visa que haja celeridade e se tenha respostas concretas e não respostas evasivas como as que as vezes chegam aqui na Câmara”. A proposta pede que as respostas cheguem a secretaria da Câmara de Mossoró em até 45 dias.

Houve uma união de bancadas para derrubar o parecer da CCJR e aprovação do projeto na sessão ordinária dessa terça-feira.

O autor da proposta, vereador Genilson afirma que existem cerca de 2 mil indicações sem respostas da Prefeitura de Mossoró, “essa é uma medida para que a prefeitura não fique sem responder aos questionamentos das pessoas que nos procuram e nos cobram diariamente”, afirmou o parlamentar que já foi líder da bancada de oposição.

Com a aprovação do projeto na Câmara, segue para a prefeitura e o executivo tem um prazo de até 15 dias para se manifestar com veto ou não.


POLÍTICA

ECONOMIA

CAROL RIBEIRO RECOMENDA

Tags

95 FM Aeroporto Alex do Frango Allyson Bezerra ALRN Amélia Ciarlini APAMIM APRAM Beto Rosado Blog Carol Ribeiro Bolsonaro Bombeiros Brasil Câmara Federal Campanha Eleitoral Candidatos Carlos Eduardo Alves CEF Cenário Político Claudio Santos CMM Comentário Congresso Nacional Conversa de Alpendre Cultura Debate DEM Denúncia Deputados Estaduais Deputados Federais DETRAN-RN Dilma Roussef Direitos da Mulher Direitos Humanos Economia Educação Eleições 2016 Eleições 2018 Eleições 2020 Esporte Ezequiel Ferreira Fafá Rosado Fátima Bezerra Feminismo Fernando Mineiro Fora Temer Francisco José Junior Garibaldi Alves Gastos Públicos Governo do Estado Governo do RN Governo Federal Greve Guarda Municipal Gutemberg Dias Haddad Henrique Alves Herval Sampaio Horário Eleitoral Hospital da Mulher HRTM IFRN Impeachment Impugnação Infraestrutura Isolda Dantas Izabel Montenegro Jorge do Rosário Jório Nogueira Jornalista José Agripino Josué Moreira Justiça Criminal Justiça do Trabalho Justiça Eleitoral Justiça Federal Larissa Rosado Lava Jato LDO LOA Lula MCJ MDB Meio Ambiente Meio Dia Mossoró Michel Temer Ministério da Saúde Ministério Público Eleitoral Mossoró Mossoró Cidade Junina Movimento Estudantil MPF MPRN Mulher Natal/RN Nayara Gadelha Novo Eleitoral OAB Opinião Pagamento Paralisação PCdoB Pesquisa de Opinião Petrobras PF PHS Plenário TCM PM-RN PMDB PMM Polícia Civil Política Política cultural Política eleitoral Política social Políticas LGBTs Políticas Públicas para as Mulheres PR Presidência da República Prestação de Contas PREVI-Mossoró Previdência Social Prisão Propaganda Eleitoral PSB PSD PSDB PSL PSOL PT Reajuste Rede Redes Sociais Reforma da Previdência Renúncia Ricardo Motta RN Robinson Faria Rosalba Ciarlini Sandra Rosado Saúde Saúde da Mulher Secretária Estadual de Saúde Secretaria Estadual de Segurança Secretaria Municipal de Saúde Secretariado Segurança Senado Serviços Terceirizados Servidores Setor Salineiro SindGuardasRN Sindiserpum Sindsaúde/RN SINSP SINTE Solidariedade STF Styvenson Tapetão TCE-RN TCM Teatro Lauro Monte Tião Couto Tibau TJRN Trânsito e transporte TRE-RN TSE UERN UFERSA Vereadores Vice Violência contra a mulher