sexta-feira, 2 de agosto de 2019

Aniversário de 15 anos do Teatro Dix-Huit Rosado terá comemoração por 5 dias

Compartilhar
(Foto: divulgação)
O maior templo da cultura mossoroense, o Teatro Municipal Dix-huit Rosado, completa 15 anos de existência no mês de agosto. Para comemorar a data, a Secretaria Municipal de Cultura organizou uma programação especial e gratuita, com cinco dias de eventos para a população e a classe artística.

Programação

A programação será iniciada no dia 02 de agosto, com a comemoração dos 83 anos da Banda Artur Paraguai, com concerto, a partir das 19h30, com participação da cantora Dayane Nunes e dos alunos das turmas de canto lírico da Escola de Artes.

Sábado, dia 03, a partir das 19h30, o espetáculo “Ensaio sobre a Memória”, inspirado no conto “A outra morte”, de Jorge Luís Borges, com dramaturgia e encenação de Marcelo Flecha.

No domingo, dia 04, das 9h às 15h a oficina de iniciação teatral, com o diretor Marcelo Flecha, cujas inscrições estão sendo feitas na recepção do Teatro, para pessoas a partir de 16 anos. “As inscrições gratuitas já podem ser feitas em horário comercial na recepção do Teatro”, explicou Nelson Filho, diretor do Teatro Municipal Dix-huit Rosado.

A partir das 17h do domingo haverá uma solenidade especial de aniversário, quando a prefeita Rosalba Ciarlini deve anunciar melhorias relacionadas à Cultura no município, além da programação do Mossoró Terra da Liberdade, que acontecerá durante o mês de setembro.

Segunda, dia 05, uma mesa redonda com o diretor Marcelo Flecha, alunos das redes pública e privada, a partir das 14h30, aberto ao público.

Dia 6, a programação será encerrada com o show de Tânia Turene, dentro do projeto do Projeto Terça Nossa. “Esta é a única programação que não será gratuita, mas terá preço acessível para a população”, concluiu Nelson Filho.

Nota do Blog - O Blog e população entusiasta da cultura mossoroense espera que entre as melhorias a serem anunciadas pela prefeita nesta data festiva esteja a revitalização da fachada do prédio, que há pelo menos três anos necessita de atenção da gestão municipal.