Câmara de Mossoró suspende recesso de julho

Com base no Ato da Mesa 07/2020, a Câmara Municipal de Mossoró prorrogou medidas de prevenção à Covid-19, até 30 de junho. Até lá, estão mantidas as sessões por Sistema Deliberação Remota (SDR) e reuniões de comissões também por videoconferência.

O Legislativo decidiu ainda suspender o recesso de meio do ano em 2020, entre 19 de julho e 2 de agosto, também por causa da pandemia. A resolução, de autoria do vereador Petras (DEM), deverá ser votada terça-feira (2), e a Casa manterá em alta a agenda parlamentar.

O recesso já fora reduzido em 2019. “Diminuímos a pausa de meio e final de ano e acrescentamos 38 dias úteis ao plenário. Com a suspensão em julho de 2020, serão 53 dias a mais para sessões”, calcula a presidente da Câmara, Izabel Montenegro (MDB).

(Foto: Edilberto Barros)

Precauções

Até 30 de junho, o acesso à Câmara continua autorizado a pessoas indispensáveis às reuniões remotas e a outros serviços essenciais, em respeito a recomendações sanitárias. Dentro do prédio, uso obrigatório de máscara, álcool gel, distanciamento.

Alguns setores permanecem em teletrabalho. “Os vereadores e vereadoras e suas assessorias mantêm plena atividade parlamentar, em diversas atividades. Dessa forma, conciliamos trabalho parlamentar com prevenção à Covid-19”, avalia Izabel Montenegro.

Marcadores

Mostrar mais

POLÍTICA

ECONOMIA

MULHER

CULTURA

CAROL RIBEIRO RECOMENDA