Situação do Oeste e Seridó ainda é preocupante, diz Governo

A governadora Fátima Bezerra informou nesta sexta-feira (7), que embora o RN tenha baixado a taxa de ocupação de leitos para menos de 60%, nas regiões Oeste e Seridó alguns municípios ainda estão em situação preocupante porque taxa de transmissibilidade está elevada. 


Nesta quinta-feira a chefe do Executivo estadual teve nova reunião com gestores dos municípios do Seridó e nesta sexta-feira com os prefeitos dos municípios do Oeste. "Colocamos mais uma vez as forças de segurança do Estado à disposição para atuar em parceria com os municípios como forma de intensificar ações para cumprimento das medidas de distanciamento físico, uso da máscara, higienização e não aglomeração", avaliou.

(Foto: assessoria Governo)


Novos leitos


Em continuidade ao Plano de Expansão de Novos Leitos, Fátima Bezerra anunciou mais 12 vagas no Hospital Regional de Currais Novos - 5 UTIs e 7 clínicos, que estarão à disposição a partir desta segunda-feira, 10. Em Assu, no Hospital Regional, serão mais 22 leitos - 10 UTIs e 12 clínicos, que estarão instalados até 17 de agosto com investimento de mais de R$ 500 mil na reforma do Hospital para receber as UTIs. 


Segundo o Governo, mais três novos leitos UTI entraram em funcionamento nesta sexta-feira em Apodi e mais 2 estarão prontos na próxima semana. Em Macau, o Governo do Estado firmou parceria com a prefeitura para instalar 15 novos leitos -  5 UTIs e 10 clínicos - no Hospital Municipal Antonio Ferraz.


Para isso, será feito o repasse mensal pelas administrações estadual e federal de R$ 270 mil. 


Em Macau, o Governo aguarda apenas a conclusão reforma do prédio pela prefeitura para instalar os novos leitos. Cinco monitores cardíacos e 20 bombas de infusão já foram entregues pelo Governo do Estado à prefeitura da cidade.


Em São Gonçalo do Amarante, a parceria com a prefeitura vai permitir a instalação de mais 20 novos leitos - 4 UTIs e 16 clínicos e repasse mensal pelo Governo de mais de R$ 1,5 milhão. 


Dados


A fila de regulação não tem pacientes para leitos críticos e clínicos, 20 aguardam transporte sanitário.


A taxa geral de ocupação de leitos é de 57%. Nas regionais, a região Oeste e Seridó têm a maior taxa de ocupação. O quadro é:  


Oeste - 70%, 

Metropolitana de Natal - 53%, 

Pau dos Ferros  - 45%

Mato Grande  - 40%

Agreste - 20% 

Seridó - 66%.


Ocorrências de Covid-19:

casos confirmados: 54.713

suspeitos: 17.937

descartados: 88.309

óbitos: 1.963 (1 nas últimas 24 horas)

óbitos em investigação: 193.

 

A taxa de transmissibilidade no Estado é de 0.98.

Marcadores

Mostrar mais

POLÍTICA

ECONOMIA

MULHER

CULTURA

CAROL RIBEIRO RECOMENDA