Reforma vai permitir pagamento de atrasados, diz Governo

Os atrasados de 2018 que ainda não foram pagos pelo Governo do Estado dependem de empréstimo do Governo Federal, e o aval da União para o crédito dependia da aprovação da Reforma da Previdência. Com a Reforma aprovada, o pagamento dos salários atrasados pode ser concretizado até o começo do próximo ano.

A informação é do Controlador Geral do Estado, Pedro Lopes, em entrevista no programa Cenário Político (TCM Telecom) desta terça-feira (29).

Reforma da Previdência foi aprovada nesta terça depois de difícil
negociação com servidores
(Foto: TN)

Segundo ele, a receita do estado dá para pagar os servidores, mas não sobra para os atrasados. E por isso, este pagamento está dependendo da aprovação da Lei Mansueto, que vai permitir ao RN um empréstimo do Governo Federal de R$ 1,2 bilhão. "A reforma vai ter o beneficio de com os recursos pagar os atrasados de dez 2018 e 13ª de 2018", disse.

Veja entrevista aqui.

Governadora

Nesta quarta-feira, a governadora Fátima Bezerra divulgou vídeo nas redes sociais para tratar do pagamento do 13ª de 2020 e também falou sobre os atrasados. Veja aqui.


CAROL RIBEIRO RECOMENDA