#TBT do Blog: denúncia da Operação Vulcano, nova crise no governo Robinson e greve dos servidores municipais

Compartilhar

Quatro anos atrás, a política local era movimentada com o recebimento da denúncia saída da Operação Vulcano, mais uma crise do governo Robinson e parada dos servidores públicos.

A Operação Vulcano foi deflagrada em maio de 2012, nove anos atrás.

O Blog Carol Ribeiro vai completar 5 anos de atuação no próximo mês de agosto. Durante esse tempo, muita coisa aconteceu e algumas já estão turvas na memória.

O #TBT do Blog tem a pretensão de relembrar fatos que viraram notícia aqui, em Mossoró, no RN e no Brasil.

Há quatro anos, na primeira semana de maio de 2017, em meio à onda da Lava Jato, se desdobrava em Mossoró a Operação Vulcano, deflagrada em 2012, com denúncias de corrupção ativa e passiva, formação de cartel, entre outras.

No final de 2018, o juiz Cláudio Mendes Júnior, titular da 3ª Vara Criminal de Mossoró, absolveu todos os acusados.

Políticos e empresários passam a responder por crimes na Justiça

É desdobramento no campo judicial da “Operação Vulcano”, quando foram realizadas oito prisões e cumpridos 20 mandados de busca e apreensão, em maio de 2012.

Operação Vulcano: Fafá e Gustavo Rosado emitem esclarecimento sobre denúncias

A equipe jurídica da ex-prefeita Fafá Rosado e do ex-chefe de gabinete da Prefeitura de Mossoró, Gustavo Rosado emitiu nota de esclarecimento sobre denúncia de envolvimento em esquema investigado pelo Ministério Público na Operação Vulcano.

*  *  *  *  *

Enquanto isso, o governo Robinson passava por uma nova crise e, mais uma vez, ligada à área de Segurança, principal tema do marketing político do governador

Secretário de Justiça do RN pede exoneração

Wallber vinha externando insatisfação desde que foi perdendo espaço na gestão da Sejuc

Site nacional destaca falta de estrutura do ITEP RN para identificação de corpos de Alcaçuz

Quase três meses depois da rebelião que durou duas semanas, três corpos e 15 cabeças aguardam exames de DNA, de acordo com a reportagem.

*  *  *  *  *

Já na administração municipal, a pauta era a greve dos servidores públicos, liderada pela então presidente do SINDISERPUM, Marleide Cunha, hoje vereadora de Mossoró pelo PT.

Servidores de Mossoró decidem por greve e devem pedir na Justiça cancelamento do Mossoró Cidade Junina

Os servidores municipais não aceitaram acordo com a Prefeitura de Mossoró e decidiram entrar em greve a partir da próxima segunda-feira (08).

Servidores chamam a atenção da população com estratégia política

Marleide Cunha, presidente do sindicato, sabe que a fonte de onde sai os recursos para a festa e para o pagamento dos servidores não é a mesma, mas defende a luta pelo cancelamento do evento.
Compartilhar

0 comentários em "#TBT do Blog: denúncia da Operação Vulcano, nova crise no governo Robinson e greve dos servidores municipais"

Postar um comentário

Postagens anteriores → ← Postagens mais recentes
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial
CAROL RIBEIRO RECOMENDA