Vereadora acusa Prefeitura de apropriação do trabalho alheio

Compartilhar

Gestão municipal, segundo Marleide, anunciou projeto das Areninhas Potiguares, mas não citou "autor do trabalho"

(Foto: Edilberto Barros)

A vereadora Marleide Cunha (PT) criticou a gestão municipal pelo que considera apropriação do trabalho de outros agentes públicos, sem dar o crédito a quem de direito. Ela fez a observação em pronunciamento na Câmara Municipal de Mossoró, na sessão desta quarta-feira (11).

Marleide Cunha citou como exemplo o Projeto Areninha Potiguar, cujos recursos, segundo ela, o senador Jean Paul Prates (PT) articulou no Governo Federal. A iniciativa prevê construção de complexos esportivos em municípios, e Mossoró é uma das cidades contempladas.

“O senado articulou o empenho R$ 573 mil para o projeto em Mossoró. A Prefeitura anunciou a construção do complexo esportivo, mas omitiu o autor do trabalho. E a gestão municipal faz isso o tempo todo”, criticou.

Governismo

Em resposta à Marleide, alguns vereadores governistas tentaram desviar o assunto proposto pela parlamentar e citaram falhas da gestão Fátima, como a situação da rodoviária e as deficiências do Hospital Regional Tarcísio Maia.

Exemplos

A parlamentar acrescentou que, em 2021, articulou o retorno do projeto Estação Juventude. “A gestão Allyson se apropriou do conhecimento da equipe que implantou o projeto em Mossoró, mas depois escanteou o pessoal e assumiu a paternidade”, lamentou.

Por fim, citou o caso do Hospital Psiquiátrico Milton Marques, inaugurado pela Prefeitura em maio de 2022. “Porém, a Prefeitura sequer mencionou a cessão do terreno pelo Governo do Estado. É não reconhecer o trabalho das pessoas. Injustiça, absurdo e isso precisa ser dito”, concluiu. 

Compartilhar

0 comentários em " Vereadora acusa Prefeitura de apropriação do trabalho alheio"

Postar um comentário

Postagens anteriores → ← Postagens mais recentes
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial
CAROL RIBEIRO RECOMENDA