Para pré-candidatos união da oposição em Mossoró não vai acontecer | Blog Carol Ribeiro Para pré-candidatos união da oposição em Mossoró não vai acontecer | Blog Carol Ribeiro

quarta-feira, 15 de janeiro de 2020

Para pré-candidatos união da oposição em Mossoró não vai acontecer

Não vai haver união da oposição. Pelo menos se depender do que acreditam os pré-candidatos a prefeitura de Mossoró Jorge do Rosário (PL) e Allyson Bezerra (SD). Eles foram os entrevistados do programa Conversa de Alpendre (TCM Telecom), que estreou na última sexta-feira (17).

Jorge disse que só será candidato se tiver uma base de apoio considerável e duvidou da tão falada frente de oposição a Rosalba Ciarlini.

"Não acredito na união pelos interesses conflitantes. Não se fala em 2020 sem olhar pra 22. O Solidariedade certamente tem interesse de ter candidato a governador. Fátima também. Essas conversas não são tão simples como se conversa. No mundo idela seria muito bom, mas no mundo real não é assim", argumentou o empresário.

Programa exibido em 10/01/20 na TCM Telecom

Votos da esquerda

Já Allyson Bezerra foi mais enfático ainda. Disse que nunca trabalhou com a ideia de unificar a oposição.

"Não acho que seja possível. Eu trabalho com a ideia de candidatura viável, unificar dois ou três, não unificar todo mundo. Não dá pra ter votos somente da esquerda. É preciso uma candidatura com substância, credibilidade e condições de crescer. O eleitor mossoroense busca alinhamento mais ao centro", defendeu o deputado.

Programa exibido em 10/01/20 na TCM Telecom

Allyson completou ainda que da forma como apresentado, o projeto de uma chapa oposicionista que abrigue todos os nomes não se trata de união, mas de "adesão". Para unificar primeiro tem que abrir mão da candidatura. Se não é adesão".

Veja programa completo com as entrevistas clicando aqui e aqui.


POLÍTICA

ECONOMIA

CAROL RIBEIRO RECOMENDA